Terça-feira, 7 de Setembro de 2010

Capítulo Três

Esqueci-me de mencionar no início da fic em que mês ela estava , pois não era muito importante, até ao capítulo de hoje, por isso digo-vos já que estão em Setembro.

 


Percorri todas as lojas que havia no centro mas não encontrei nada. Voltei para casa. Jantei e fui-me logo deitar, pois depois de passar um dia inteiro a andar de um lado para o outro à procura de emprego cansou-me um bocado.

 

 

No dia seguinte o meu dia não foi muito diferente. Tive a minha rotina habitual e nada agradável de andar à procura de emprego. As respostas continuavam a ser « .. és muito nova para trabalhar. », acho que as pessoas não sabem ver no meu B.I a minha data de nascimento. Penso que quando temos dezoito anos devíamos ter idade para trabalhar, mas pelos vistos na mentalidade das pessoas aqui de L.A não era assim...

Enfim, esta rotina esgotante começa a tornar-se insuportável. Agora compreendo porque é que a minha mãe se estava sempre a queixar de não conseguir emprego... Eu não quero ter a mesma vida miserável que ela tinha. Eu sei que não fui para a Universidade tirar algum curso, mas também tinha feito a escola até ao décimo segundo ano, por isso acho que tinha qualificações para algum emprego de jeito. Começo a pensar que ainda vou ficar a lavar casas-de-banho em vez de ter um emprego decente.

Passaram-se meses e nada de emprego, até este mês. Sim, encontrei emprego. Eu conto já como.

Tinha acabado de sair de casa, depois de almoçar, quando passei por uma loja mesmo ao lado da porta do meu apartamento, que curiosamente nunca tinha reparado que lá havia. Era uma pequena loja. Tinha aspecto de ser uma loja de música. Decidi entrar. Dirigi-me ao balcão, onde estava um empregado de cabelo castanho.

Anneliese - Ahm .. Olá. - fiz uma breve pausa para respirar. - Estão mesmo à procura de alguém para trabalhar aqui? - sorri.

O empregado levantou a cabeça, olhou para mim e sorriu.

Empregado - Tu?

Anneliese - Pois, parece que sim. - sorri.

Empregado - Quanto à tua pergunta, sim, estamos à procura de alguém. Mas acho que não és boa para o cargo.

Anneliese - Porquê? Por ser nova demais? Em minha defesa posso dizer-te que já tenho dezoito anos, apesar de não parecer.

Ele riu-se. Parecia que se estava a divertir com a minha ingenuidade.

Empregado - Não parece mesmo. - riu-se.

Anneliese - Não tenho culpa de parecer mais nova...

Empregado - Pelo contrário, parece mais que tens vinte e poucos, do que menos de dezoito. - sorriu.

Por momentos penso que corei um pouco, mas tentei remediar isso com uma mudança de assunto.

Anneliese - Então, posso trabalhar aqui ou não?

publicado por - micaelafilipa. às 11:40
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
Domingo, 5 de Setembro de 2010

Capítulo Dois

Hey , peço desculpa o capítulo ser pequeno.

Vou fazer os possíveis para que o próximo seja um pouco maior.

 

 


O quê? Só pode estar a brincar comigo, fez-me aquele questionário todo para quê, se pelos vistos já arranjaram alguém? Desejei-lhe a continuação de um bom dia e fui-me embora.

 

Durante o resto da manhã continuei a correr de um lado para o outro à procura de emprego, mas nada encontrei. A maior parte não precisava de mais ninguém ou então diziam que eu era nova demais para ser contratada. Eu já tenho dezoito anos, não sou nenhuma criança!

Depois de correr de um lado para o outro a manhã inteira, fui para casa. Cheguei eram já 14:00, fui à cozinha preparar o almoço. Rapidamente o preparei. Almocei e de seguida fui sair um bocado, mas sem ter que fazer o mesmo que de manhã.

Dirigi-me ao parque mais perto que havia e sentei-me num banco de jardim a ler um livro. Senti uma mão tocar-me no ombro. Olhei para trás e era um rapaz de cabelos castanhos e olhos verdes. Fiquei com a sensação de que conhecia a cara dele de algum lado, mas não me lembrava de onde. Levantei-me.

Anneliese - Sim? - fechei o livro.

Rapaz - A ler "Boyfriend in a Dress" ? - riu-se.

Anneliese - Parece que sim. - sorri. - Sou a Anneliese, e tu?

Chega um rapaz loiro que lhe diz algo ao ouvido.

Rapaz - Desculpa, tenho que ir. - começou a andar na direcção contrária à minha, até que se virou para mim. - Até algum dia - suspirou - Anneliese. - sorriu.

Anneliese - Espera! - gritei na esperança de que ainda me tivesse ouvido e torna-se a vir ter comigo, mas foi em vão.

Pensei novamente onde é que seria que já tinha visto aquele rapaz mas como não me lembrei decidi ir novamente procurar emprego.

Percorri todas as lojas que havia no centro mas não encontrei nada. Voltei para casa. Jantei e fui-me logo deitar, pois depois de passar um dia inteiro a andar de um lado para o outro à procura de emprego cansou-me um bocado.

publicado por - micaelafilipa. às 18:38
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Sábado, 4 de Setembro de 2010

[ 3 ]

Hey , vim só avisar-vos que hoje não posso postar o capítulo dois .. :x

publicado por - micaelafilipa. às 11:08
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Sexta-feira, 3 de Setembro de 2010

[ 2 ]

Hey.

Eu ia postar hoje o Capítulo Dois , ainda hoje , mas por questões pessoais não o vou postar. :x

Se comentarem e não responderem é porq saí da net ou então simplesmente porq não tou no blog .. :x

publicado por - micaelafilipa. às 21:12
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. Capítulo Três

. Capítulo Dois

. [ 3 ]

. [ 2 ]

. It's LA , baby ♥ - Fic

. Divulgação - sara.B ! ♥

. Team Bieber

. Capítulo Um

. Guess What Contest

. Divulgação